"Só leo este blogue para saber o que non teño que ver", Martin Pawley (días estranhos)

Segundo anúncia a página web de Variety a Warner Bros teria comprado os direitos dos primeiros rascunhos dum guiom nascido originalmente nos fios da página web reddit. O conceito: Umha unidade exploratória dos U.S. Marines (MEU) desaparece de súpeto de Afeganistam e aparece  nos campos da Roma Imperial de Augusto do ano 23 da Era Comum. A criador: James Erwin, que sob o alcume Prufrock451 respondou a umha questom naîve dum usuário no sub-reddit /r/askreddit apaixonado pola séria da HBO Rome (Roma, Bruno Heller, John Milius and William J. MacDonald, 2005.2007) . Ah, e também foi campiom duas vezes do concurso de TV Jeopardy!.

A ideia começou como uns poucos comentários de Erwin que narravam os primeiros dias da unidade MEU aparecida nas aforas de Roma. Como se reponhiam do shock, inspeccionavam o território, estabeleciam um perímetro de seguridade e tentavam contactar com as autoridades da Roma Augusta. O conflito nom tarda muito em abolhar. Quando o formado dos simples  comentários -os mais votados no fio original- ficou pequeno criou um sub-reddit próprio intitulado “Rome Sweet Rome” no que começou a expandir a sua ideia original, mentres outros usuários achegavam conceitos, imagens, linhas de argumento, pros e contras, analises profundos da capacidade operativa dumha força moderna levada até a época imperial romana, etc. Surdiram desde mods para conhecidos jogos de estratégia, até histórias preparadas para jogos de Rol. Mas sobretudo o roteiro da história evoluiu até os centos de dias de diário de campanha. E há umhas horas o criador original anunciou no seu twitter a notícia.

Aguarda saber como se desenvolverá a história, em que formato e até que ponto as ideias originais de Erwin marcaram o rimo. Até o de agora demonstra-se o poder fértil de Internet mas também -se um segue o subreddit, o que escreve esta notícia está subscrito desde há seis meses, quando a história começou- deixa entrever muitos problemas de propriedade intelectual, ao ser partes da história -ou do transfondo- obra de toda umha comunidade em rede.

Nota: Como cinéfilos nom podemos deixar de indicar alguns filmes com histórias parecidas de forças militares modernas -ou hipermodernas- deslocadas no tempo até outra época. Don Vitto comentava há anos umha boa chea delas.

Comments are closed

 

About Author

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Vestibulum at arcu. Integer et risus. Morbi id tellus. Integer felis. Mauris malesuada, turpis vitae facilisis euismod, dui arcu adipiscing sem, eu vulputate leo ante in lacus. Sed porta accumsan lectus. Aenean ac sem. In consequat tempus velit. Phasellus leo enim, adipiscing a, egestas nec, pretium ut, pede. Mauris sollicitudin diam et mauris. Sed quis enim vel augue egestas lobortis. Etiam tempus ipsum vel neque.